Como Pagar o IPVA

Como Pagar o IPVA

Início do ano vem chegando e junto com ele está aquele compromisso inadiável de pagar o IPVA.

Advertisement

Como o próprio nome já diz, o IPVA (Imposto por Veículo Automotivo) é um imposto pago somente por aqueles que possuem algum tipo de veículo automotivo.

Seja um carro, seja uma moto, seja um fusca ou uma Ferrari. Se você tem um carro vai ter que pagar.

Claro, os valores variam proporcionalmente de acordo com o valor do carro, e a tendência é que ele abaixe ao longo dos anos.

Tudo depende da sua desvalorização de acordo com a tabela FIPE.

Advertisement

O fato é que você não deve de jeito nenhum atrasar este pagamento. E hoje estou aqui para te ajudar a não cair neste erro.

Como pagar o IPVA

No início de cada ano é comum receber um carnê com todas as parcelas do imposto em sua casa.

Para que isto aconteça o seu endereço precisa estar atualizado, e claro que você terá problemas se tiver mudado de estado.

Cada estado possui o seu escritório do DETRAN, por isso ao se mudar de estado você precisa transferir seu carro para outro lugar.

Neste caso você precisará requisitar uma transferência de protocolo e também levar os seus documentos com um comprovante de residência.

Advertisement

Lembre-se que o comprovante de residência precisa estar no seu nome, senão é necessária uma declaração com reconhecimento de firma em cartório.

Tente utilizar também boletos de água ou luz que são mais confiáveis.

Se você não tem tempo de esperar o carnê ou ele não tenha chegado há dois jeitos de se resolver.

Mas para ambos os meios você irá precisar entrar em contato com o DETRAN do seu carro.

Como encontrar o seu DETRAN

Cada estado possui um DETRAN separado do outro. Tentar fazer uma consulta com seus dados no estado errado não te trará as respostas que você procura.

Sendo assim é interessante que você procure primeiramente acessar os seus dados e boletos pela internet.

Para achar o site do DETRAN do seu estado basta procurar pela palavra chave DETRAN seguida do seu estado, como por exemplo, “DETRAN Acre”.

Veja também
1 De 3

Após descobrir o seu estado basta buscar pelo seu carro através do Renavam e sua placa.

O site deve ser parte do domínio “.gov”. Digo isto porque muitos outros sites acabam tentando roubar seus dados.

O DETRAN de SP fica como “www.DETRAN.sp.gov.br”.

Por isso não acesse sites que terminam com “.com.br” ou algo semelhante.

Lembre-se de verificar se entrou realmente no site correto, muitas vezes é fácil se enganar e acabar acessando o site de outro estado. O que não gera resultados

Onde posso pagar o IPVA?

O pagamento é relativamente simples, você pode fazer ele através da consulta do DETRAN onde você baixa os guias de pagamentos.

Mas há um jeito até mais fácil onde você faz o pagamento através do seu banco.

Assim basta você ter o Renavam do seu carro e agendar a cobrança na sua conta. Fazendo isso presencialmente, no caixa eletrônico ou no celular.

Todas são opções seguras, rápidas e muito confortáveis. Bem melhor do que sair correndo atrás de algum local.

Mas se você quiser fazer o processo tradicional basta imprimir os boletos e pagar em qualquer banco ou caixa lotérica próxima de você.

Lembre-se sempre de guardar os recibos com você e ficar atento ao recebimento do comprovante.

Posso parcelar o IPVA?

Sim, mas não do jeito que você quiser. Assim que abre o período de pagamento você pode fazer o pagamento completo com um desconto.

Agora, se o valor precisar ser dividido ele pode ser pago em até 3 vezes em parcelas já geradas automaticamente.

A escolha é sua, porém sempre é melhor aproveitar o desconto e ter o novo documento o mais breve possível.

O que acontece se eu não pagar?

Primeiramente existe a sanção dos juros. Se você perde o momento de pagamento à vista só estará perdendo um pequeno desconto.

Mas se atrasar os valores das parcelas, além dos juros serão emitidas muitas para o veículo.

Outro problema que você irá encontrar é que após o período de licenciamento seu carro será impedido de circular.

Caso você insista e pare em uma blitz, é normal que seja guinchado. Precisando agora pagar todos os documentos, multas adicionais, juros, taxa do guincho e diárias do pátio.

Ou seja, adiar o pagamento em nenhum das hipóteses é uma boa ideia, pois você sai em uma dívida muito maior do que a esperada.

O problema piora para quem está em período de avaliação de CNH, pois irá perder sua permissão para dirigir, tendo que reiniciar todo o processo.

Contudo, se você gostou do artigo COMPARTILHE.

Advertisement

Leia também

Esse site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Politica de Privacidade
error: Conteúdo protegido!!