Como Agendar Atendimento Para Auxílio Doença

Agendar Atendimento Para Auxílio Doença

Agendar atendimento para auxílio doença pode ser mais fácil que você imagina! Uma vez que, ao longo dos últimos anos o INSS está mais digitalizado.

Advertisement

Dessa forma, o órgão oferece mais facilidade no agendamento de todos os procedimentos.  Justamente para que os beneficiários possam ter maior comodidade para realizar agendamentos.

Além disso, o agendamento simplificado e sem precisar sair de casa diminui a sobrecarga dos funcionários do INSS.

Para te auxiliar, vamos explicar como agendar atendimento para auxílio doença de forma prática e simples.

Então, veja em nossos links rápidos o que teremos sobre agendar atendimento para auxílio doença:

Advertisement
  1. Agendar atendimento para auxílio doença por telefone
  2. Agendar atendimento para auxílio doença online
  3. Aplicativo Meu INSS
  4. Leve seus documentos para o atendimento do auxílio doença
  5. O resultado da perícia de auxílio doença sai no mesmo dia?
  6. É possível recorrer em caso de auxílio doença negado?

Agendar atendimento para auxílio doença por telefone

Um dos canais oferecidos pelo INSS para agendar atendimento para auxílio doença é o telefone 135.

A ligação é gratuita e o canal está disponível das 7h às 22h de segunda-feira à sábado. Basta discar 135 e selecionar a opção “falar com atendente”.

Em seguida, você entrará na fila para aguardar um atendente disponível. Ao iniciar o atendimento informe que precisa agendar perícia para auxílio doença.

O atendente irá fazer algumas perguntas sobre seus dados, para que possa agendar a perícia na agência do INSS mais próxima de sua casa.

Em caso de doença incapacitante, a perícia pode ser feita no hospital. Basta conversar com o atendente e sanar suas dúvidas em relação ao procedimento.

Advertisement

O atendente fará o agendamento para a primeira data e horário disponível. Esse agendamento pode demorar.

É habitual que a perícia seja cerca de 1 mês após a data de sua ligação para agendamento. Em alguns casos, pode demorar mais.

Agendar atendimento para auxílio doença online

Seja para o primeiro pedido ou para prorrogação, é possível agendar atendimento para auxílio doença online.

Acesse o site oficial do INSS, já na aba principal é possível clicar em “agendar perícia”. É preciso informar os seguintes dados:

  • Nome;
  • CPF;
  • Data de Nascimento.

Em seguida, clique em continuar. Opte por perícia inicial se for a sua primeira perícia para obtenção do auxílio doença.

Veja também
1 De 2

Caso já esteja recebendo auxílio doença é preciso selecionar “perícia de prorrogação”. Clique em atualizar, confira seus dados e clique em avançar.

Quando algum dado está errado, é importante atualizar antes de clicar em avançar. Justamente para não ter problemas futuros durante seu atendimento para auxílio doença.

Após concluir, o sistema irá informar a data disponível para seu agendamento. De modo que, possa comparecer ao INSS e passar pela perícia médica.

Aplicativo Meu INSS

Caso prefira, o INSS também disponibiliza um aplicativo de celular para marcação de perícia para auxílio doença.

O procedimento de marcação feito através desse app é o mesmo que ensinamos a fazer no site do órgão.

Vale a pena realizar o seu cadastro no app para que possa acompanhar com facilidade as informações a respeito de seus benefícios junto ao órgão.

Dessa forma, você conta com maior facilidade de acesso aos dados, usando apenas seu celular e alguns cliques.

Leve seus documentos para o atendimento do auxílio doença

É importante que, compareça ao INSS no dia e horário determinados pelo seu agendamento.

Não se esqueça de levar todos os documentos que provam a sua necessidade de receber o auxílio, como:

  1. Exames solicitados pelo seu médico que indicou o afastamento;
  2. Atestado de seu médico;
  3. Documentos pessoais originais (RG, CNH ou CTPS);
  4. Receitas médicas e laudos.

Ao passar pela perícia, o médico irá avaliar todos os fatores, sendo favorável ou não ao seu afastamento médico.

Portanto, levar todos os exames e laudos comprobatórios de que existe uma doença te auxilia a ter o laudo favorável.

Mas de nada adianta levar exames que não são relacionados ao problema que te afastou do trabalho!

Lembre-se que a perícia é uma consulta para que o INSS avalie se você tem condições de trabalhar.

Por isso, é importante que os exames, laudos e receitas estejam todos de acordo com o problema que ocasionou o seu afastamento.

O resultado da perícia de auxílio doença sai no mesmo dia?

Sim! O resultado da perícia costuma ser divulgado no mesmo dia, através do site INSS, mas você pode consultar pelo telefone.

O próprio médico costuma entregar após a perícia um papel com o passo a passo para que você possa consultar o resultado.

Basta acessar o site Meu INSS, fazer login e clicar na opção “resultado de benefício por incapacidade”.

Localize o processo que foi aberto para que a perícia ocorra e você verá o resultado se está aprovado ou não o benefício.

Caso tenha alguma dúvida, também é possível entrar em contato com o INSS por meio do 135.

No entanto, o canal de atendimento não tem poder para alterar aquilo que foi definido pelo médico em perícia.

Portanto, o atendimento não terá autonomia de fazer mudança caso seja esse seu objetivo ao fazer a ligação.

É possível recorrer em caso de auxílio doença negado?

Sim! Caso o seu auxílio doença tenha sido negado, é possível recorrer entrando em contato com o 135.

Assim como, é possível entrar com recurso através da página Meu INSS. Para ter seu direito ao auxílio garantido.

É preciso iniciar uma contestação, o prazo para iniciar esse processo é de até 30 dias após a sua perícia.

A contestação permite que seu caso passe por uma nova avaliação para que possa ter acesso ao auxílio doença.

Caso o órgão não dê sentença favorável a liberação de seu auxílio após a contestação, também é possível recorrer na justiça para ter seu direito assegurado.

Uma vez que, o auxílio doença é um direito de todo trabalhador que está impossibilitado de exercer suas funções.

Justamente para que no período de doença o trabalhador não fique desamparado, ocasionando estado de vulnerabilidade social por causa da ausência de seu salário.

Portanto, além de marcar seu processo sem precisar sair de casa, você também conta com a facilidade de receber seu resultado online.

E caso o resultado não seja favorável, o recurso também pode ser aberto online ou por telefone. Dessa forma, o INSS se torna mais acessível.

Garantindo que todo brasileiro que recolhe INSS tenha seus direitos resguardados e facilidade de solicitar auxílio quando necessário.

Saiba mais sobre Auxílio Doença, veja aqui.

Contudo, se o artigo foi interessante para você, então COMPARTILHE em suas redes sociais.

Leia também

Esse site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade
error: Conteúdo protegido!!